Tião Viana trata em Brasília do Plano Safra, da Cidade do Povo e de crédito junto ao Tesouro

O governador Tião Viana aplaudiu nesta segunda-feira, 22, a presidente Dilma Rousseff e seu governo por lançar o maior Plano Safra da Agricultura Familiar da história do país, alcançando o valor de R$ 28,9 bilhões, que representam 20% a mais do que fora repassado na última safra, da ordem de R$ 24 bilhões.

Presente ao Palácio do Planalto durante a cerimônia de lançamento do plano que vai atender boa parte dos 4,3 milhões de estabelecimentos rurais da agricultura familiar – setor responsável por 33% do valor bruto da produção agropecuária do país -, o governador Tião Viana fez questão de comemorar outra decisão importante tomada pelo plano.

Trata-se da decisão do governo de assegurar que 30% de suas compras governamentais de alimentos passarão a ser adquiridas da agricultura familiar. “Foi uma decisão maravilhosa a da presidenta Dilma assegurar que 30% das compras governamentais do Programa de Aquisição de Alimentos [PAA] e do Programa Nacional de Alimentação Escolar [Pnae] serão feitas junto aos agricultores familiares”, disse o governador.

Segundo Tião Viana, o Plano Safra da Agricultura Familiar também beneficiará os agricultores familiares do Acre, que tiveram prejuízos com a grande cheia que atingiu a maioria dos municípios banhados pelo Rio Acre. “Certamente nossos pequenos agricultores também serão beneficiados pelo Pronaf”, completou o governador.

Acompanhado pelo secretário de Estado de Planejamento, Márcio Veríssimo, o governador Tião Viana também manteve audiência com o ministro das Cidades, Gilberto Kassab, para tratar da continuação das obras de infraestrutura da Cidade do Povo, que está sendo construída para tirar a população das áreas de risco de alagação na capital do Estado.

O governador também manteve audiência com o secretário do Tesouro Nacional, Marcelo Barbosa, acompanhado do secretário de Fazenda, Tinel Macedo, da assessora especial Flora Valladares, do secretário Márcio Veríssimo e da representante do governo do Acre em Brasília, Gleycy Anne Lamoglia.

Com o secretário do Tesouro, o governador tratou da abertura de um crédito internacional que o Estado já possui há dois anos junto ao Tesouro Nacional, que vai permitir a liberação de novos recursos para o Estado continuar viabilizando sua emancipação econômica e seu desenvolvimento, fortalecendo, por conseguinte, toda a sociedade acreana.

Agência de Notícias do Acre


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.