Governo dá sinal verde para empreiteiras acelerarem entrega de casas

O governador Tião Viana realizou na tarde desta segunda-feira, 2, no Gabinete Civil, uma reunião técnica com representantes dos bancos financiadores e empreiteiras, responsáveis pelas unidades habitacionais do programa Minha Casa, Minha Vida para acelerar a entrega de casas para pessoas atingidas pela cheia do Rio Acre. Os entraves burocráticos são o maior problema atualmente, atrasando a entrega de quase 1.200 casas, a maioria já pronta.

Participaram da reunião membros da Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil, empresários do ramo da construção civil e representantes da Secretaria de Obras e da Secretaria de Habitação Social. “O que eu estou querendo aqui é que sejamos capazes de nos unir. Até metade das pessoas que estão em abrigos hoje já poderiam estar na sua casa própria saindo das áreas de risco. Não podemos nos render à burocracia”, disse o governador Tião Viana.

Os representantes da Caixa, principal financiadora dos programas habitacionais, revelaram estar com unidades prontas para entregar em diversos empreendimentos habitacionais, como a Cidade do Povo, o Abunã e o Rui Lino, mas que ainda faltam etapas para entrega relacionadas principalmente ao Ministério das Cidades. “Nós temos um número de unidades já disponíveis e estamos trabalhando para que elas sejam entregues o mais rápido possível”, conta Bernadete Coury, da superintendência de Habitação da Caixa.

O governador tem estado em comunicação frequente com o Ministério das Cidades e o Ministério da Integração Nacional para cumprir os requisitos de entrega. A expectativa é que até o fim da semana um novo grupo de casas já esteja apto a ser entregue.

[Agência de Notícias do Acre]