Presidente do Sintesac chama deputados de "lacaios" após aprovação da Reforma da Previdência

Por Wanglézio Braga

Ainda visivelmente indignado com a aprovação da PEC que reforma a Previdência do Estado do Acre, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Acre (SINTESAC), Adailton Cruz, foi bem ácido e crítico ao usar as redes sociais nessa quarta-feira (28) ao falar que o governador Gladson Cameli, do PP, agradeceu aos deputados pela aprovação do projeto e classificou os parlamentares como “lacaios”, ou seja, que seriam subservientes ao executivo. Na ocasião, Cruz disse que eles aplicaram um golpe nos trabalhadores do Acre.

“Gladson Cameli agradece aos seus lacaios na ALEAC pelo GOLPE APLICADO aos trabalhadores, afirma que o processo imposto de cima pra baixo, com aparato policial, uso da força e da violência, DEMONSTRA O SEU RESPEITO pelo servidor e festeja a economia de quase TRÊS BILHÕES de reais nos próximos anos, que serão ARRANCADOS de trabalhadores, idosos, aposentados, doentes e pensionistas”, escreveu.

Dois dias antes, Adailton Cruz escreveu que “Gladson Cameli, Nicolau Junior e 17 deputados, traíram o POVO acriano, deram um dos mais duros golpes em nossa história, aprovaram a PEC da previdência local, acabando com nossos direitos”.

Hoje (28) durante coletiva, o Governador repudiou atos desrespeitosos que partiram de servidores rebeldes e manifestantes na frente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac). “Jogar ovos em policiais militares é uma falta de respeito!”, e acrescentou “Sou a favor das reformas, desde quando era parlamentar. O que foi aprovada aqui é a nova previdência do Estado. O que eu vou dizer para os funcionários do Estado é que o tempo é o senhor da razão. Estávamos postergando problema e decidimos resolver agora. R$ 3,2 bilhões de economia nos próximos 10 anos é o que conseguiremos”. 


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.