Rocha defende Mara após polêmica com secretário

Por Wanglézio Braga 

O vice-governador, Wherles Rocha (PSDB) quebrou o silêncio usou as redes sociais, ontem (24), para pronunciar sobre a polêmica envolvendo a deputada federal Mara Rocha (PSDB), o secretário de Agricultura Paulo Wat  e o Governador Gladson Cameli (PP). 

"Aos críticos de plantão, aqueles que não conseguem ver ou não querem enxergar a liderança da minha irmã e Deputada Federal Mara Rocha. Ela é hoje a liderança política que mais cresceu em nosso Estado. Já na sua primeira eleição conseguiu ser deputada federal mais votada do Acre e tem tudo para alçar voos mais altos. Lógico que isso incomoda muita gente.

Além da atuação firme, da apresentação de projetos importantes e do compromisso com nosso Acre e municípios, Mara tem conquistado rapidamente um espaço importante dentro da Câmara e do Congresso. Faz parte da nova geração política, da nova politica. Aquela que defendi nos parlamentos que fiz parte e que não beatífica bandidos, ainda que sejam do mesmo partido", escreveu. 

Rocha defendeu também na postagem que Mara Rocha tem desempenhado um papel importante na Câmara Federal em prol dos acreanos.  

"Quanto ao imbroglio que motivou seu descontentamento com o governo, estamos trabalhando para contornar. Sua ajuda ao nosso governo é fundamental e sei que, independente de qualquer coisa, estará sempre à disposição do nosso povo.

O resto é só intriga de quem tem medo de enfrentar uma Rocha e, em razão disso, utiliza mercenários para tentar lhe desgastar", finalizou.