Aleac aprova decreto de Estado de Calamidade por conta do Coronavírus no Acre

Por Wanglézio Braga

Uma sessão extraordinária foi realizada hoje (20) na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), para votar o pedido do governo do Estado para decretar Estado de Calamidade Pública por conta da infecção do Coronavírus (Covid-19). Enquanto os deputados votavam, a Secretaria de Saúde do Acre (SESACRE) confirmava, no total, sete casos positivos da doença.

A sessão foi restrita e com o único foco: Votar o decreto governamental. Deputados, profissionais da imprensa e outros profissionais de apoio da Casa de Leis usaram máscaras. Aliás, nem todos. O deputado José Luiz Tchê, do PDT, resolveu não usar o dispositivo.

O decreto de Gladson Cameli, do PP, foi anunciado na última quinta-feira (19). A mensagem governamental explicou que o decreto Vale até 31 de dezembro deste ano. Nele, o governo dispensaria as regras da Lei de Responsabilidade Fiscal.

“Conforme já constatado pelas autoridades em saúde, brasileiras e internacionais, a única forma de restringir a disseminação do vírus é através de medidas que inevitavelmente desaceleram as atividades econômicas, como a redução das interações sociais e o fechamento de estabelecimentos comerciais e industriais”, justifica trecho do decreto.

Deputados de oposição e situação entraram num consenso, apesar de fazerem uso da palavra na tribuna, manifestarem suas críticas sobre o comportamento do governo mediante a pandemia. No final, o dispositivo foi aprovado por unanimidade, ou seja, 15 votos (número total de deputados no plenário). 

 


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.