Câmara de Tarauacá aprova pedido de cassação de prefeita após denúncia de supostas infrações

A Câmara de Vereadores do município de Tarauacá aprovou, durante sessão desta terça-feira (14), o pedido de cassação do mandato da prefeita Marilete Vitorino. De acordo com o presidente da Câmara, vereador Carlos Tadeu, a medida foi após a Casa receber denúncia de supostas infrações político-administrativas. A redação entrou em contato com Marilete, mas até a publicação desta reportagem não obteve resposta.

Conforme o presidente, dos 11 vereadores que atuam na Câmara, oito votaram a favor do pedido de cassação de Marilete. A prefeita tem um prazo de dez dias para se manifestar a respeito da denúncia.

“Recebemos denúncia de que a prefeita fez uma viagem no mês passado e transferiu a prefeitura para o sub-procurador jurídico, sendo que a cidade estava com o vice-presidente da câmara, já que eu também não estava aqui. Além disso, ela não comunicou ao poder judiciário e diretamente tomou essa decisão”, disse o presidente.

A Câmara agora tem um prazo de 48 horas para formar a comissão que vai analisar a denúncia de cassação da prefeita.

 

 

[G1/AC]


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.