Líder Comunitário denuncia que moradores da Cidade do Povo estão abandonados

Por Wanglézio Braga

Quem assistiu a sessão da Câmara de Vereadores de Rio Branco, realizada na manhã de hoje (11), deve ter notado que houve a participação especial de um líder popular através do projeto “Tribuna Popular”. A ideia é que a comunidade faça uso do dispositivo trazendo reivindicações que possam ser acolhidas pelos vereadores e pelos poderes. Robson Silva

Na sessão de hoje, durante o pequeno expediente, o líder comunitário da Cidade do Povo, Robson Silva, abriu os trabalhos relatando diversos problemas que os moradores enfrentam nas áreas da Saúde, Infraestrutura e Transporte Público. Na ocasião, ele enalteceu a importância da Tribuna Popular e fez um agradecimento ao vereador do PT, Mamad Dankar autor do projeto.

Robson disse que “A prefeita Socorro Neri esqueceu-se do nosso bairro. Só tá fazendo manutenção nos bairros das pessoas de classe média e classe média alta, que são das classe dos ‘bacanas’. E os bairros periféricos estão esquecidos! Eu tentei uma agenda com a prefeita, mais nunca conseguimos. Nós queríamos manutenção asfáltica principalmente nas vias principais dos ônibus, muitos sofrem por falta de estrutura. Queremos pedir ao líder da prefeita que ela fosse até o nosso bairro fazer uma visita e ver de perto os nossos problemas”.

Em seguida, as queixas de Robson se concentraram nas áreas da Saúde. Ele denunciou que há quatro meses, o dentista do posto de saúde da Cidade do Povo não comparece para atender a comunidade. Ele relatou que muitos estão tirando o dinheiro da alimentação para marcar uma consulta particular com um especialista.

“Há mais de quatro meses não tem um dentista para atender a comunidade. Se tirarmos R$ 50 reais do bolso, vai faltar para a comida. Vivemos num dilema, de sentir dor ou comer. No nosso módulo de saúde, também, falta uma simples técnica de enfermagem para fazer exames nas mulheres”, denunciou.

Por fim, o líder comunitário relatou as dificuldades com o transporte público. Segundo ele, a empresa responsável pelo serviço envia ônibus deteriorados para atender a comunidade. Robson disse ainda que a prefeitura não tem feito a sua parte para pavimentar os corredores onde os veículos passam e isso ocasiona em problemas para todos.  

“Esquecimento do poder público no Bairro Cidade do Povo é muito grande. Espero que os senhores nos ajudem e deixem de andar na cidade do povo só quando for à época de campanha política. Pedimos aos vereadores que mande a prefeita andar de ônibus, andar pelas ruas e compreenda a nossa situação”, finalizou.