Deputados prestam homenagens aos 120 anos de fundação do Estado Independente do Acre

Por Wanglézio Braga 

Os deputados da Assembleia Legislativa do Acre (ALEAC) realizaram hoje (11) uma sessão solene para homenagear os 120 anos  fundação do Estado Independente do Estado do Acre. A sessão ocorreu por meio de um requerimento do deputado Daniel Zen, do PT. 

Ao usar da palavra, Zen fez uma abordagem da história do Acre nos períodos antecedentes tanto no Brasil quando na Bolívia e pós-revolução. 

O professor e historiador Adalberto Queiroz criticou que o Brasil ainda não reconheceu de forma devida a Imperador Galvez. Queiroz trouxe ainda muitas particularidades sobre a vida profissional do Imperador, comentou que ele falava cinco idiomas e que havia proferido inúmeras denunciadas contra a Bolívia e que mais tarde serviram de alerta para o Brasil. 

"Galvez nunca gostou de império. Ele era um republicano quando fundou a república independente do Acre. Viva Galvez, ele ainda precisa ser bastante reconhecido em nosso país", destacou.

Na ocasião, foi apresentado um selo que as agências dos Correios vão usar em correspondências que saem do Estado como forma de homenagear o Acre.   

Solenidade contou ainda com a participação do Confraria das Revoluções Acreanas, Representantes dos Correios do Acre, Sindicato dos Servidores dos Correios e diversos historiadores.