Bolsonaro pede que esqueçam o PSL e diz que presidente do partido está “queimado”

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) externou nesta terça-feira (8) sua insatisfação com o próprio partido. Durante encontro com apoiadores na saída do Palácio do Planalto, Bolsonaro recomendou a um seguidor que esquecesse o PSL e não divulgasse o vídeo que gravou ao seu lado em que exaltava o partido. Bolsonaro explicou que o presidente do PSL, deputado Luciano Bivar (PE), está "queimado pra caramba".

No vídeo divulgado pelo canal do YouTube Cafezinho com Pimenta, que tem transmitido pronunciamentos do presidente na saída do Alvorada, Bolsonaro é abordado por um homem de Recife que se identifica como prá-candidato do PSL. A conversa ocorre aos 5 minutos e 50 segundos:

Mesmo assim, o rapaz continua com a abordagem em favor da sigla. Gravando um vídeo com Bolsonaro de fundo, ele menciona o presidente do partido em tom positivo. "Eu, Bolsonaro e Bivar, junto por um novo Recife", fala.

Constrangido, o presidente pede para o rapaz não divulgar o vídeo e afirma que Bivar está "queimado pra caramba". "Cara, não divulga isso, não. O cara está queimado pra caramba lá. Vai queimar o meu filme. Esquece esse cara, esquece o partido", diz.

Após o pedido, o jovem disse que ia esquecer o partido e pediu para filmar outro vídeo. Sem citar, Bivar, ele filma: "Viva o Recife, eu e Bolsonaro".

 

 

Congressoemfoco