O Rio Branco

Hoje é 15 de Novembro de 2018

Política

Equipes de transição do governo Tião e Gladson fazem primeira reunião operacional

06 de Novembro de 2018 às 17:49:57

A semana começou com os primeiros trabalhos da equipe de transição do atual para o futuro governo do Acre. Nesta terça-feira (6) a Comissão de Transição Governamental se reuniu, na sede do Acreprevidência, em Rio Branco, para a apresentação da atual estrutura do estado e outras informações.

No último dia 18 de outubro, o atual governador Tião Viana, do PT, e o governador eleito, Gladson Cameli, do PP, se encontraram e falaram sobre o decreto que define as normas do período de transição.

Em coletiva nesta terça (6), a chefe da Casa Civil do Acre, Márcia Regina, informou que o governo vai garantir os serviços essenciais até o final do mandato.

“Esse primeiro encontro é para passar a visão geral do governo, como ele está configurado hoje na gestão do Tião Viana. As atividades de estado estão mantidas, principalmente aquelas de atenção básica na Educação, Saúde, Segurança Pública. Essas não sofrerão qualquer descontinuidade na prestação de serviço”, disse Márcia.

Além disso, ela falou sobre as demissões de comissionados, já que os cargos devem ser entregues “livres” à nova gestão.

“Nós precisamos liberar a administração para a nova gestão. Então, nesse caso, é preciso que os cargos sejam exonerados para serem entregues livres. Estamos em um processo de transição, que algumas atividades do governo já estão encerradas, já estão em diminuição. Então, estamos fazendo antecipação para que, mais cedo, a gente possa concluir essa etapa de fechamento de governo”, afirmou.

Pagamento dezembro

A chefe da Casa Civil falou ainda sobre o pagamento do mês de dezembro. Segundo ela, o governo está seguindo o cronograma de pagamento.

“Claro que a gente vê e sabe que o Brasil anda com muita dificuldade, temos muitos estados que atrasam pagamentos e outros que já informaram que não fecham as contas. Então, o que nós esperamos é que nada aconteça além do que está programado, porque estamos trabalhando para cumprir com o calendário”, disse Márcia.

O coordenador da equipe de transição do governador eleito, José Ribamar, informou que já teve acesso a algumas informações e números extraoficiais. Mas que aguarda os dados por parte da gestão atual para se manifestar a respeito. Segundo ele, Cameli ainda deve anunciar quem vai fazer parte do seu secretariado.

“Já trabalhamos com coleta de dados com o pessoal técnico e temos algumas informações extraoficiais. Sobre a nomeação do novo secretariado, essa parte fica mais com o governador eleito. Ele deve estar estudando alguns nomes e no momento oportuno, vai anunciar para todos”, disse Ribamar.

 

G1




Compartilhar