Corpo de ex-presidiário é encontrado em decomposição

 

Thais Farias

 Paulo Pinheiro estava desaparecido desde a última terça-feira, 5, e havia saído do Presídio há 2 meses

Uma equipe da Polícia Militar foi acionada por populares na tarde dessa sexta-feira, 8, para constatar a existência de um corpo humano achado no quintal de uma residência, localizada no bairro Novo Calafate, em Rio Branco. 

Peritos criminais foram ao local e encaminharam o corpo ao Instituto Médico Legal da capital. Segundo peritos, o cadáver já se encontrava em alto estado de decomposição.

Até então, nenhum morador das redondezas do matagal havia identificado o cadáver. Já na noite do mesmo dia, amigos e familiares foram ao IML e identificaram a vítima encontrada morta como Paulo Pinheiro da Silva, de 23 anos.

De acordo com a família do jovem, Paulo Pinheiro estava desaparecido desde a última terça-feira, 5, quando havia saído de casa e não mais retornado.

Ainda conforme relatos de parente do rapaz, repassados à PM, Paulo havia saído do presídio estadual há dois meses e estava preso pelo regime monitorado por tornozeleira.