Bope e Força Nacional participam de operações nos bairros de Rio Branco

Paulo Roberto, da TV Rio Branco

Para conter a onda de assaltos que vem ocorrendo na cidade durante os últimos meses, a polícia militar tem intensificado as operações em diversos bairros da capital acreana, principalmente naqueles que tem apresentando uma maior incidência desse tipo de crime. O trabalhou ganhou força com a inclusão do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e da Força Nacional de Segurança Pública.

O trabalho ganhou força depois da morte do motorista de ônibus Raimundo Marconi, ocorrida no final do mês passado durante um assalto.

Segundo o coronel Francisco Espíndola, comandante do policiamento operacional de Rio Branco, ações de enfrentamento a violência pela polícia militar foram desencadeadas no dia 29 passado e já percorreu as regionais 2,3,4, e 5.

Durante as operações, pessoas em conflito com a lei foram  presas, armas apreendidas e drogas tiradas das ruas. Para o coronel, que responde pelo policiamento operacional da capital, a polícia na rua leva sensação de segurança  para a população.

O subcomandante do batalhão de operações especiais Bope destaca o trabalho que vem sendo executado em parceria com a Força Nacional no combate a criminalidade nos bairros.

De acordo com Major Souza Filho, subcomandante do Bope, além de várias prisões realizadas nas operações, a polícia também  recuperou veículos que foram roubados e cumpriu diversos mandados de busca e apreensão.