O Rio Branco

Hoje é 17 de Novembro de 2018

Policial

As prisões ocorreram na área da 1ª e 2ª Regional na VI edição da operação Impactus

09 de Julho de 2014 às 18:15:06

Pelo menos 11 pessoas investigadas por tráfico de entorpecente, roubo e homicídio foram presas pela Polícia Civil, em Rio Branco, nesta terça-feira, 08, durante a sexta edição da operação Impactus.

As prisões ocorreram na área da 1ª e 2ª Regional na VI edição da operação Impactus, deflagrada há cerca de sete semanas e contou com a participação de 60 policiais civis, entre agentes, escrivães de polícia, delegados e peritos criminais.

Na ocasião foram cumpridos 13 mandados de buscas e prisão, numa ação articulada pela Delegacia Itinerante, sob a coordenação do titular da especializada, delegado Roberth Alencar.

Ao final da operação foram contabilizados a apreensão de 10,4 quilos de entorpecente (cocaína e maconha). O delegado Roberth Alencar, enalteceu a força da Impactus na repressão e prevenção de crimes, de forma qualificada.

Em seis edições da operação policial Impactus foram apreendidos 127 quilos de drogas, armas de fogo, 89 pessoas foram presas e 119 mandados judiciais foram cumpridos pela polícia.

Entre os presos está Maria de Fátima Vieira da Silva, 35, egressa do sistema prisional do Matogrosso. Ela foi abordada em um taxi da cidade de Porto Velho/RO, pela DRE da Polícia Civil na região do bairro Santa Cecília, 2º Distrito, com a posse de 10 quilos de maconha prensada. Maria foi presa em flagrante e a droga, segundo a polícia, é proveniente Cuiabá/MT.

Também foi preso no bairro Portal da Amazônia João Carlos de Almeida de Lima, 39, suspeito de alimentar uma rede de tráfico de drogas na região do Calafate, em Rio Branco, e de fornecer droga para traficantes de Sena Madureira, município distante 145 quilômetros da capital. Os comparsas dele, Raimundo Gastino Vieira, 71, e Robson Diniz Dias, 25, também foram presos.

Na sexta edição da Impactus a polícia alcançou Jhonata Alves da Silva, que matou a tiros o vereador Pinté, crime ocorrido na cidade de Acrelândia. Jhonata se encontrava foragido da justiça e foi preso na estrada Apolônio Sales.


Compartilhar