Agentes penitenciários impedem fuga de presos em penitenciária de Tarauacá

Agentes penitenciários do Presídio Moacir Prado, em Tarauacá, frustraram os planos de fuga de 30 reeducandos, na manhã desta segunda-feira, 12. Durante procedimento de revista estrutural, os servidores encontraram dois buracos nas celas 17 e 18 da ala 3 da unidade. Cada cela abriga 15 detentos.

De acordo como chefe de segurança, Robson Leite, o relatório da ocorrência será encaminhado à Delegacia do município para análise do delegado quanto a abertura de inquérito por dano ao patrimônio público. “Os presos envolvidos foram isolados em outras celas, para que sejam realizados os reparos nas celas danificadas”, disse.

Leite afirmou, ainda, que ao longo do dia, os agentes realizarão uma revista estrutural em todas as celas do presídio Moacir Prado, visando coibir qualquer outro plano de fuga.

O diretor da unidade, Claudecir Sousa, explicou que, no âmbito da unidade, um procedimento administrativo será instaurado para apurar a conduta dos detentos envolvidos. “Os reeducandos planejavam essa fuga em massa, mas não contavam com a ação dos nossos profissionais que estão diariamente atentos às alterações dentro do presídio”, ressaltou.

 

 

Ascom/Iapen