O Rio Branco

Hoje é 12 de Dezembro de 2017

Policial

Governo realiza operação de fiscalização de crimes ambientais em Feijó

10 de Agosto de 2016 às 11:52:20

Com o agravamento do período de seca, o governo do Estado tem intensificado o trabalho de fiscalização de desmatamento ilegal e queimadas. Nesta terça-feira, 9, o Batalhão de Policiamento Ambiental (BPA), o Instituto de Meio Ambiente do Acre (Imac) e o Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) realizaram operação integrada de combate e controle aos crimes ambientais em Feijó.

Feijó lidera o ranking de municípios acreanos, com maior índice de focos de calor. De janeiro a agosto, 1.120 focos, entre queimadas urbanas e rurais, já foram registrados em todo o estado.

Durante a operação, duas propriedades foram autuadas pelo Imac – uma por desmatamento ilegal e a outra por derrubada e queimada. O município, que tem o acúmulo de 88 focos de calor, segundo o satélite de referência de monitoramento, vai contar com fiscalizações permanentes.

Paulo Viana, diretor-presidente do Imac, frisou que as operações estão sendo intensificadas nos municípios com maior polígono de desmatamento. “Estamos atuando de maneira conjunta em áreas regionalizadas, para que possamos não apenas controlar, mas reduzir o índice de desmatamento ilegal e de queimadas no Acre”, declarou.

O gestor ressaltou ainda que as pessoas identificadas cometendo crime ambiental são autuadas e têm suas áreas embargadas. Em casos de flagrantes, os responsáveis pela ação são encaminhados coercivamente à delegacia de polícia para prestar esclarecimentos e responder pela abertura do processo criminal.

Agência




Compartilhar