Grupo ataca viatura e resgata chefe do Comando Vermelho no Paraguai

Um grupo armado libertou nesta quarta-feira em Assunção o narcotraficante Jorge Teófilo Samudio González, o ‘Samura’, um dos chefes da facção Comando Vermelho na fronteira entre o Brasil e o Paraguai, depois de atacar a viatura em que o criminoso era transferido e matar um dos policiais que o conduzia.

O tiroteio aconteceu na Costanera Norte, região metropolitana de da capital paraguaia, quando o veículo que levava vários detentos de volta para a penitenciária de Emboscada, no Departamento de Cordillera, segundo informações passadas por agentes de segurança à Agência Efe. Eles tinham ido ao Tribunal de Assunção para audiência preliminar.

Dois policiais foram baleados durante a ação dos bandidos. Félix Ferrari, de 43 anos, morreu depois que um projétil lhe atravessou o tórax, enquanto Carlos Araújo permanece hospitalizado.

Testemunhas disseram que entre oito e dez criminosos vestiam uniformes parecidos com os dos agentes da Secretaria Nacional Antidrogas (Senad) e atacaram a viatura. Na fuga, em uma caminhonete preta, queimaram vários veículos.

A Polícia Nacional mobilizou várias unidades na região para tentar localizar Samura, detido pelo Senad em 10 de outubro do ano passado, em operação antidrogas feita na fronteira com o Brasil, e as pessoas que o libertaram.

 

Veja

(Com EFE)


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.