Ativistas do clima jogam tinta vermelha em embaixada do Brasil em Londres

Ativistas do clima jogaram tinta vermelha na embaixada brasileira em Londres nesta terça-feira para protestar contra os danos à floresta amazônica e ao que chamaram de violência contra os povos indígenas que lá vivem.

Dois ativistas do Extinction Rebellion subiram em uma superfície de vidro na entrada da embaixada, e outros dois se colaram às janelas.

Marcas e mãos de tinta vermelha podiam ser vistos por toda a fachada, assim como slogans que diziam "Sangue indígena: nenhuma gota a mais" e "Pela floresta".

O Extinction Rebellion, que tumultuou a região central de Londres por diversas semanas neste ano, disse que o protesto visava desafiar o governo brasileiro por causa de "abusos de direitos humanos sancionados pelo Estado e ecocídio".

O grupo acrescentou que o protesto foi organizado para coincidir com uma marcha de mulheres indígenas em Brasília nesta terça-feira e que ações semelhantes estavam ocorrendo nas embaixadas do Brasil no Chile, em Portugal, na França, na Suíça e na Espanha.

A embaixada brasileira em Londres não pôde ser contactada de imediato para comentar.

 

 

Reuters


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.