O Rio Branco

Hoje é 26 de Setembro de 2017

Meio Ambiente

Sistema de Comunicação do Chandless é alimentado por energia sustentável

12 de Junho de 2017 às 08:24:42

Localizado entre Sena Madureira, Manoel Urbano e Santa Rosa do Purus, representando cerca de 4% do território acreano, o Parque Estadual do Chandless é o segundo maior da Região Norte e detém uma das áreas mais ricas em biodiversidade.

A Unidade de Conservação Integral é gerida pelo governo do Estado, por meio da Secretaria de Meio Ambiente. Para facilitar a gestão, foi instalada uma rede de comunicação, via satélite, alimentada por placas solares que garantem seu funcionamento ininterrupto.

A rede de comunicação VSAT (Very Small Aperture Terminal), considerada a estação terrena mais popular que existe, foi instalada pelo Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam).

O Chandless tem se destacado pelo seu potencial turístico e científico, pois abrange um patrimônio genético com a presença de espécies endêmicas e ameaçadas de extinção. Estima-se que 1.374 espécies de animais, entre as quais estão mais de 400 de aves, habitem na região.

São mais de 690 mil hectares de área protegida de maneira integral, que agora dispõem de uma rede de comunicação, alimentada por energia sustentável, favorável para a boa gestão e ampliação dos centros de estudo e pesquisa.

 

 

Agência




Compartilhar