Prefeitura de Rio Branco declara estado de calamidade pública

A edição desta quarta-feira, 24, do Diário Oficial do Estado divulgou Decreto da Prefeitura de Rio Branco declarando estado de calamidade pública, no município, em decorrência da pandemia causada pelo novo coronavírus.

Na última semana, a prefeita Rio Branco, Socorro Neri já havia declarado estado de emergência e com isso uma série de medidas de combate ao novo vírus. A gestão considera que em virtude das ações emergenciais, que precisaram ser tomadas, as finanças públicas, metas fiscais e de arrecadação de tributos podem estar gravemente comprometidas, por conta da redução das atividades econômicas neste período.

O termo garante que o governo federal possa enviar recursos humanos e financeiros, bem como maior apoio logístico. O texto será enviado à Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) para o reconhecimento do Estado.

No último boletim divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), Rio Branco registra 21 casos do Covid-19 confirmados.

 

ASSESSORIA


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.