O Rio Branco

Hoje é 26 de Setembro de 2017

Geral

Governo realiza seminário para avaliar resultados da política de baixa emissão de carbono

15 de Julho de 2017 às 16:38:51

O governo do Acre, por meio do Instituto de Mudanças Climáticas e Regulação de Serviços Ambientais (IMC), realiza na próxima segunda e terça-feira, 17 e 18, o Seminário de Avaliação de Resultados do Programa REDD Early Movers (REM) no Acre.

Desde 2012, o programa assegura pagamentos, na modalidade compensação, aos produtores e comunidades que contribuem para os bons resultados das políticas ambientais e a redução do desmatamento.

Os benefícios chegam por meio de iniciativas públicas. Investimentos em mecanização, assistência técnica e outros meios de incentivo à produção nessas localidades. Tudo isso financiado pelo Banco Alemão de Desenvolvimento KfW.

“O seminário é o momento em que o Acre apresenta os resultados alcançados a partir dessa política de incentivo e compensação. Serão várias palestras e painéis de discussões. Beneficiários indígenas, comunitários das reservas extrativistas e das florestas estaduais estarão presentes no evento”, lembra Magaly Medeiros, diretora-presidente do IMC.

Palestras e Painéis

Atores de diferentes segmentos ligados à causa ambiental, inclusive de outros países, estarão no estado referência em gestão dos recursos naturais.

Com o seminário, o Acre finaliza a primeira fase do programa, que tem como principal objetivo avaliar os impactos e as lições aprendidas.

No primeiro dia, temas como os Desafios e Oportunidades do REDD, Implementação do REM e o Desafio da Redução das Emissões de Carbono no Acre serão tratados pelos palestrantes.

Na oportunidade, o governador Tião Viana apresenta os resultados alcançados com o modelo implantado no estado.

No último dia do evento a Repartição dos Benefícios nas áreas extrativista, de produção familiar e dos povos indígenas toma conta dos debates. Além disso, a Governança e Salvaguardas Ambientais serão apresentadas.

O Sisa

O modelo de desenvolvimento do governo do Acre, implantado por meio do Sistema de Incentivos a Serviços Ambientais (Sisa), tem contribuído para a redução nas emissões de gases de efeito estufa.

O Sisa é um conjunto de princípios, diretrizes, instituições e instrumentos capazes de proporcionar uma adequada estrutura para o desenvolvimento de um setor econômico inovador: a valorização e a preservação do meio ambiente com incentivo a serviços ecossistêmicos.

O sistema tem como referência um processo histórico e cultural de longa data, com características únicas e a possibilidade de incentivos a serviços ambientais nas mais diversas formas.

REM E REDD

REM é um programa piloto que remunera e premia o esforço de mitigação das mudanças climáticas de pioneiros do REDD (Early Movers).

O REM incentiva essas ações visando resultados na cooperação para o desenvolvimento, com uma clara distribuição de benefícios.

O programa fomenta o desenvolvimento sustentável em benefício de agricultores, comunidades indígenas e extrativistas.

 

 

Agência

 




Compartilhar