Diretor do IAPEN denuncia que o "crime organizado" cria perfis falsos para atacar a sua honra

Por Wanglézio Braga

Foi usando as redes sociais na manhã de hoje (14) que o Diretor Presidente do Instituto de Administração Penitenciária do Acre (IAPEN), Lucas Gomes, denunciou que o crime organizado estaria usando da técnica de criar perfis falsos na internet para atacar sua honra.

Lucas vem ganhando notoriedade por conta da sua forma de administrar os presídios do Acre. No entanto, vem ganhando críticas gratuitas pela falha na segurança do maior  presídio do estado onde presidiários abriram um buraco na parede e conseguiram fugir.

“Não bastassem as tentativas e ameaças contra a minha vida, o crime organizado atenta agora contra a minha honra, utilizando perfis falsos em redes sociais. Tal qual o mundo paralelo que querem criar, onde vigora a lei do crime, querem também fazer do ambiente virtual uma extensão de suas condutas criminosas”, escreveu.

Lucas conclui o seu desabafo afirmando que crer na justiça divina e que nada passará em branco. “Nada novo, só a velha covardia de quem rasteja pelas práticas do submundo. Creio na justiça divina, como creio na justiça humana. Por isso trabalho com a convicção de que nada passará em branco”, concluiu.