Andressa Urach faz bronzeamento: 'Leva os homens à loucura'

A marquinha perfeita de sol que Andressa Urach exibe por aí não é feita na praia. E muito menos com a apresentadora usando biquíni. Na verdade, ela tem toda uma técnica para criar o visual perfeito da pele morena: a ex-vice Miss Bumbum usa esparadrapos durante a sessão de bronzeamento artificial que faz, religiosamente, toda semana. “Me bronzeio há mais de seis anos, desde que comecei a trabalhar como modelo. Acho importante estar com o corpo dourado. Aprendi essa técnica com uma amiga e fica perfeito. Tanto para fazer um ensaio sensual, quanto para mostrar para o namorado, é mais bonito”, conta Urach ao EGO.

Para ela, a principal vantagem do bronzeamento artificial é que a pele fica uniforme. “Só com o biquíni não marca bem a alcinha, a parte de cima e as laterais. Com essa técnica fica tudo certinho, pega todo o corpo. Uma parte não fica mais queimada que a outra”, ensina ela, que passa 30 minutos dentro da máquina de bronzeamento, sendo 15 de frente e 15 de costas. “Você também não corre o risco de ficar com a pele vermelha ou ardendo. Fora que é rápido. Às vezes, é preciso ficar o dia inteiro no sol para ter um bronzeado douradinho. E aqui em 30 minutos você está pronta para o verão”, completa.

Machuca os pelinhos’
Andressa admite que a única parte difícil do bronzemaneto é a hora de tirar os esparadrapos. “Machuca os pelinhos, mas a dor passa e a beleza fica. Eu costumo falar essa frase (risos). Então é bom sempre estar ‘depiladinha’ para fazer a marquinha. Mas vale a pena, é uma dor boa”, brinca.

Como faz o bronzeamento a cada sete dias – quando quer uma cor dourada mais intensa, ela assume que faz três vezes por semana -, a apresentadora toma alguns cuidados. “Passo bloqueador com fator de proteção solar 60 no rosto porque ele é bem branquinho e nunca pego sol no rosto, por causa do envelhecimento precoce. E no corpo não passo nada, por conta das luzes é perigoso queimar a pele, ela tem que estar limpinha, sem creme, sem óleo. Ah, na tatuagem também tem que passar bloqueador 60”, diz. Assim que sai da máquina, Urach enche a pele de hidratante: “Para não ressecar”.

Namorado vai à loucura...
Há três meses, Andressa tem um namoro "ioiô" com um empresário do ramo de caminhões – ela não revela o nome dele, mas recentemente os dois foram flagrados aos beijos.  “É meio complicado. Eu estou com uma pessoa, mas a gente termina e volta tanto que eu nem sei se é namoro (risos). Ele é muito discreto, não é famoso. Nó nos conhecemos na Copa, eu estava sofrendo por amor e o encontrei. Gosto muito dele e acho que é o homem da minha vida. Eu espero”, declara a ex-vice Miss Bumbum.

Mas se depender da marquinha de bronze de Urach, eles ainda ficarão um bom tempo juntos. “Ele acha lindo, porque fica sexy. Acho que toda mulher tem que se cuidar. Não só para o companheiro, mas para ela mesma. Pele bronzeada e pelos douradinhos levam os homens à loucura”, afirma.
Menos preocupada com o corpo
Mesmo com todo esse cuidado na hora de se bronzear, Andressa garante que está menos preocupada com o corpo. “Hoje não preciso mais me cuidar tanto, antes ficava sempre de biquíni, agora não há mais essa necessidade. Posso me dar o direito de comer algumas besteira. Não me importo do corpo não ser mais o mesmo, da pele estar mudando. E o bumbum não vai ficar durinho sempre, a lei da gravidade diz isso”, conta ela, que está com 27 anos.

Depois de ter sofrido por conta de um produto que injetou nas coxas para ficar mais musculosa, Andressa tem arrependimentos. “Procurei todos os métodos de cirurgia plástica, porque sempre fui muito doente em relação à beleza. Na época eu precisava de pernas musculosas por ser assistente de palco. O produto ficou no meu corpo e começou a doer e deu esse problema. Hoje eu me arrependo bastante”, esclarece.

Diminuir seios
Apesar disso, a apresentadora não descarta que pode fazer mais alguns procedimentos estéticos. “Talvez diminuiria o tamanho dos seios, é um pouco desconfortante ter seios tão fartos. Também diminuiria o dedão do pé e talvez tiraria uma costela, caso o corte não fosse tão grande. Botox ainda não penso nisso”, confessa.

[Ego]