O Rio Branco

Hoje é 26 de Setembro de 2017

Esportes

Segurança alega ter sido atingido por lata jogada por McGregor e pede US$ 95 mil

12 de Setembro de 2017 às 09:31:42

Ter cerca de US$ 100 milhões a receber pode ter muitas vantagens, mas também pode trazer alguns malefícios - principalmente se você se chama Conor McGregor. O irlandês, que se envolveu em um incidente na coletiva pré-UFC 202, está encarando um processo movido em março deste ano por um dos seguranças que trabalharam na coletiva. William Pegg alega ter sido atingido nas costas por uma lata de bebida energética atirada pelo irlandês, e apresentou na Justiça recibos médicos que totalizaram US$ 5 mil (cerca de R$ 16 mil). Pegg estaria pedindo uma reparação total de US$ 95 mil (aproximadamente R$ 304 mil). A equipe de Conor McGregor foi notificada judicialmente e, em julho, negou oficialmente ter responsabilidade quanto ao ocorrido.

Pelo incidente, Conor McGregor já havia sido condenado pela Comissão Atlética de Nevada a pagar uma multa de US$ 75 mil, que posteriormente foi reduzida para US$ 25 mil, além de ter de prestar 25 horas de serviços comunitários. Nate Diaz, também envolvido no incidente, recebeu uma multa de US$ 15 mil e teve de prestar 15 horas de serviços comunitários.

 

 

Combate




Compartilhar