Vereador de Araruama é morto a tiros

O vereador de Araruama (Região dos Lagos fluminense) Ciraldo Fernandes da Silva (DEM), de 57 anos, foi assassinado a tiros na noite deste domingo, 8.

Segundo a Polícia Militar, o vereador estava saindo de um bingo próximo ao Campo do UTA, no bairro Fazendinha, às 19h25, quando dois homens armados passaram de moto atirando na direção de Silva, que morreu na hora.

Silva foi o terceiro vereador mais votado de Araruama na última eleição, em 2016, com 1.904 votos. Era seu segundo mandato como vereador.

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil, que não informou quais são as principais linhas de apuração.

Outros casos

Em 24 de março, o vereador de Japeri (Baixada Fluminense) Wendel Coelho (PTdoB), de 26 anos, foi morto a tiros quando passava de carro pelos arredores da praça Olavo Bilac, no bairro de Engenheiro Pedreira. Ele estava em seu primeiro mandato como vereador.

Em janeiro, criminosos dispararam mais de 30 vezes contra a comitiva do prefeito de Duque de Caxias (Baixada Fluminense), Washington Reis (MDB). Ninguém se feriu.

 

Estadão


Lavar as mãos
A lavagem deve ser feita frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.


Não tocar o rosto
Evite encostar as mãos não lavadas na boca, nos olhos e nariz. Essas são as principais portas de entradas do coronavírus no organismo.


Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar
O ideal é usar cotovelo ou lenço. Se utilizar papel, jogue fora imediatamente.


Usar álcool em gel
Se não houver água e sabonete para lavar a mão, use o álcool gel 70%, que é eficiente para matar o vírus e outras possíves bactérias.


Evitar contato se estiver doente
Quem está com sintomas de doença respiratória deve evitar apertar as mãos, abraçar, beijar ou compartilhar objeto. Se puder, fique em casa.

Usar máscara se apresentar sintomas
Quem está com sintomas como tosse e espirro deve usar máscara mesmo sem o diagnóstico confirmado de covid-19.