O Rio Branco

Hoje é 10 de Dezembro de 2017

Brasil

Vigilante mata colega de trabalho em fazenda por não aguentar brincadeiras de abuso sexual

08 de Agosto de 2017 às 15:50:10

I.C.B.A., de 24 anos, funcionário de uma empresa de segurança privada de Mato Grosso, se entregou à Polícia Civil na tarde da última quinta-feira (4), e confessou que matou com vários tiros o seu colega de trabalho, J.B.S., 56 anos, em uma fazenda na região de Comodoro (640 km de Cuiabá).

Em depoimento à polícia, o suspeito disse que matou o colega por não suportar mais brincadeiras de conotação sexual por parte da vítima.

O acusado diz que faz uso de uma medicação para dormir, mas ao acordar, pela manhã, dizia sentir um incômodo na região anal.

Ao comentar com o colega o desconforto, a vítima teria feito brincadeiras ao dizer que o mesmo estaria abusando sexualmente.

O suspeito teria matado o colega por descontrole emocional.

 

 

Matogrossomais




Compartilhar