Invasores expulsos de ramal voltam a bloquear Rodovia AC-10

 

 

 

 

Moradores dos Ramais Costa e Silva e do Galo e independência, que recentemente foram expulsos da localidade por determinação da justiça, que concedeu ao proprietário da área de terra invadida a reintegração da posse da mesma, voltaram a protestar no início da manhã dessa quinta-feira (4).

Os manifestantes bloquearam a Rodovia AC-10, que liga Rio Branco ao município de Porto Acre, utilizando pedaços de madeiras. Filas de veículos foram formadas dos dois lados da estrada, a passagem era liberada somente para quem buscava atendimento médico na capital.

A presidente da associação de moradores e produtores do Ramal Costa e Silva, Francisca das Chagas, relata a situação precária de quem mora na região.

As 102 famílias que foram expulsas do Ramal Costa e Silva estão há 9 dias acampadas às margens do ramal, morando em pequenas barracas e vivendo de maneira subumana. O produtor rural Sebastião Souza, pede providência das autoridades competentes para o problema.

Os manifestantes exigiam às presenciais dos representantes do Imac, Incra e de outros setores que fossem resolver a situação. Técnicos do Imac estiveram no local, porém, por pouco tempo. Policiais do 5º Batalhão da Polícia Militar foram acionados para manter a ordem na localidade.