O Rio Branco

Hoje é 24 de Abril de 2018

Acre

Depasa envia novos insumos para obras de saneamento integrado no Jordão

28 de Março de 2018 às 09:29:41

O governo do Acre, por meio Departamento Estadual de Pavimentação e Saneamento (Depasa), promove uma nova realidade para a cidade de Jordão, com obras de infraestrutura e saneamento integrado. Os atos acarretam grandes desafios, principalmente para efetuar o encaminhamento logístico de insumos e demais materiais à região.

Como o acesso ao município é restringido apenas pelas malhas aérea e fluvial, a navegação pelos rios torna-se a opção mais viável. Nos últimos meses, o transporte de tijolos, cimento, ferro e demais maquinários é feito em grandes balsas que saem de Manaus (AM) e de municípios acreanos como Cruzeiro do Sul.

Porém, para garantir que todos os materiais cheguem ao destino, outras embarcações também são utilizadas nesse rito. Trata-se de grandes barcos que levam insumos e equipamentos para os canteiros de obras. Em Tarauacá, foi realizada uma das etapas de transbordo para o envio de brita, que chegou em caminhões e foi retirada por meio de retroescavadeiras que descem o barranco e descarregam o insumo em rampas artesanais. As embarcações conseguem transportar até 21 toneladas.

“No rio, com um bom volume de água, a navegação pode demorar de quatro a cinco dias para chegar a Jordão. No entanto, o Rio Tarauacá oscila muito, com isso, o trajeto pode demorar até 20 dias. Já foram embarcadas 10 canoas, cada uma levando a média de 15 metros cúbicos de brita, e ainda teremos várias viagens no restinho do inverno para termos obras durante o verão”, destaca o diretor-presidente do Depasa, Edvaldo Magalhães.

Natural de Cruzeiro do Sul, André Francelino é um dos trabalhadores dessa fase de transbordo. Ele comenta que a ação é cansativa, porém, torna-se satisfatória, quando ele lembra que de certa forma está contribuindo para o desenvolvimento dos municípios de difícil acesso.

“É satisfatório saber que todo este trabalho vai ajudar a melhorar a vida das pessoas que moram naquelas regiões distantes e muitas delas não tiveram como andar em ruas pavimentadas, ter rede de água e esgoto em casa. Porém, com essas obras do governo, a realidade será outra”, disse Francelino.

Saneamento Integrado

Jordão receberá a pavimentação de 7,75 quilômetros de ruas, drenagem de águas pluviais em 4,5 km de vias, rede de esgoto com 7,03 km de extensão, uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), 50 módulos sanitários, 230 unidades domiciliares de água tratada, rampa de concreto armado e terminal de transbordo.

Os serviços compõem o Programa de Saneamento Ambiental e Inclusão Socioeconômica do Acre (Proser), conduzido pelo Depasa e pela Secretaria de Estado de Planejamento (Seplan). No município, o governo Tião Viana investe mais de R$ 20 milhões, por meio de uma parceria com o Banco Mundial.

 

 

Agência




Compartilhar