O Rio Branco

Hoje é 23 de Outubro de 2017

Acre

Tião Viana comemora investimentos de R$ 85 milhões em Senador Guiomard

02 de Agosto de 2017 às 08:34:31

O governador Tião Viana esteve na manhã desta terça-feira, 1, em Senador Guiomard, onde celebrou junto à população os investimentos no município que chegaram a R$ 85 milhões durante todo o seu governo, desde 2011.

Só no complexo de piscicultura da Peixes da Amazônia, situado no Quinari, o governo investiu R$ 50 milhões. Além disso, pavimentou 104 vias pelo Ruas do Povo com o valor de R$ 14 mi, além de aplicar outros R$ 5 mi no setor produtivo, entre outros programas de governo voltados à entrega de 40 casas populares, 61 pequenos negócios e R$ 6,1 milhões no sistema penitenciário.

Durante o evento, foram entregues 350 títulos definitivos de propriedade para os moradores dos bairros Nair Leite e Vila Nova Aldeia. Até agora, o Estado já regularizou um total de 42 mil imóveis e entregou títulos definitivos em todo o Acre, nas duas gestões do governador Tião Viana, que transformou a regularização fundiária em um de seus maiores programas de governo.

“O título garante que um pai ou mãe de família vai poder dizer ‘a minha casa vai ficar para os meus filhos, para os meus netos’, porque é a certidão de nascimento do maior bem que alguém pode ter, que é a moradia. E até o final do ano queremos entregar mais mil títulos, só aqui em Senador Guiomard”, conta o governador.

Uma conquista coletiva

Maria da Cunha, de 62 anos, recebeu o título direto das mãos do governador e comemorou que agora a terra é proprietária oficial (Foto: Sérgio Vale/Secom)

A Política Estadual de Regularização foi implantada pelo governador Tião Viana ainda em 2011, por meio do Instituto de Terras do Acre (Iteracre). Para executar o programa, o governo conta com o apoio de algumas instituições, como o Tribunal de Justiça, cartórios e prefeituras.

Entre as vantagens do título em mãos, está a segurança da posse e a facilidade de acesso a linhas de crédito e financiamentos, além da valorização dos imóveis.

Maria da Cunha, de 62 anos, recebeu o título definitivo direto das mãos do governador. Emocionada, ela não escondeu a satisfação. “Para mim é um grande prazer, porque agora a terra é nossa. O único documento que a gente podia ter era o título definitivo e ele é muito difícil e caro de fazer. Por isso eu agradeço grandemente ao governador por ter feito isso para gente”.

Já para Maria de Souza Silva, 41 anos e grávida, o título traz uma segurança a ela e a família. “Só agora a gente pode dizer que a terra é da gente. Estávamos com medo de alguém tomar, mas agora é nossa.”

O presidente do Iteracre, Glenilson Figueiredo, reforça: “Só hoje são 350 títulos, mas queremos entregar mais mil até o final do ano. Esse é um trabalho que não vai parar e temos muitas metas para cumprir em todo o Acre”.

 

Agência




Compartilhar