O Rio Branco

Hoje é 18 de Julho de 2018

Acre

Morador reclama de falta de medicamento para malária em comunidade de Cruzeiro do Sul

01 de Março de 2018 às 08:42:19

Elis Pereira, morador da Comunidade Santa Luzia, denunciou nesta quarta-feira (28), a falta de medicamento para o tratamento da malária para o filho. De acordo com Pereira, ele levou o filho em postos de três comunidades e em nenhum tinha o medicamento.

“O menino teve febre levamos no posto e deu malária, mas não tinha medicamento mandaram levar na comunidade Campinas também não tinha, levei na Lagoinha e também não tinha. Tive que levar meu filho pra casa não tinha nada que pudesse fazer”, afirmou.

A coordenadora do setor de Endemias da cidade, Muana Araújo, disse que houve um desabastecimento devido ao grande número de casos. “Na realidade não é uma falta de medicamento, é um desabastecimento da primaquina. No entanto, já existe um tratamento do uso da cloroquina”, afirmou. 

 

Pereira disse que a situação na comunidade está complicada com a malária e mais ainda com a falta de medicamento. “Tá muito sério a situação e muitas pessoas procurando furar o dedo e dando malária”, disse.

 

Muana disse que o tratamento está sendo feito, quando falta, com cloroquina. “A diferença é que ao invés de ser um tratamento curto, dura três meses e esse não é um problema só daqui, é um problema do Brasil todo”, disse.

 

 

Juruaonline




Compartilhar