net-prf-enem_13-02-2014
 
 
 
 
You are here: Home
 
 

TRE-AC conclui apuração e apresenta relatório das eleições no Estado

E-mail Imprimir PDF

urna_eleicao

A presidente da Comissão Apuradora das Eleições 2010, Desembargadora Eva Evangelista, apresentou, na sessão plenária desta segunda-feira (04), os resultados da votação para governador, vice-governador, senadores e os eleitos para o cargo de deputado federal e estadual no Estado do Acre. O edital do relatório e os documentos da apuração ficarão à disposição dos partidos políticos, candidatos e coligações, de 5 a 8 de outubro, na Secretaria Judiciária do TRE-AC.

 

Durante a sessão, o presidente do Tribunal, Desembargador Arquilau de Castro Melo, citou dados gerais da eleição, como quantitativo de urnas eletrônicas utilizadas no Estado, número de seções eleitorais, votação biométrica, comparecimento dos eleitores nos locais de difícil acesso e o procedimento adotado para a totalização e apuração dos resultados.

Estatística das eleições

De acordo com os dados, o percentual de comparecimento às urnas no primeiro turno no Acre foi de 77,27%, o que representa um total de 363.570 eleitores. A abstenção foi de 22,73%, o que corresponde a 106.975 eleitores. Os votos brancos somaram 5.263 (1,45%) e os nulos 21.365 (5,88%).

A estatísitica geral dos resultados das eleições 2010 estará disponível na página principal do site do TRE-AC ainda nesta terça-feira. Os resultados de todos os candidatos podem ser visualizados por município, região, zona e por seção na página do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Dados referentes aos eleitos, como estatísticas por sexo e faixa etária também estão disponíveis. Outra informação que pode ser obtida são os votos e os quocientes eleitoral e partidário de cada partido/coligação, referente aos cargos de deputado federal e estadual.

Votos dos candidatos do Acre com registro indeferido com recurso foram divulgados pelo TSE.

Com a totalização dos resultados das Eleições 2010 no Acre, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou os votos recebidos pelos candidatos que tiveram o registro indeferido, mas que apresentaram recurso na Justiça (sub judice).

A decisão de divulgar esses votos foi tomada em plenário na sessão administrativa da última sexta-feira (1º). Na ocasião, os ministros entenderam que a divulgação deveria ser feita somente após a totalização final dos votos.

Propaganda eleitoral

De acordo com o calendário eleitoral, a partir desta terça-feira (05) já é permitida a propaganda eleitoral para o segundo turno mediante alto-falantes ou amplificadores de som, entre 8h e 22 horas. Também podem ser realizados os comícios e a utilização da aparelhagem de som, entre 8h e 24 horas. As carreatas e a distribuição de material de propaganda também são permitidas.

 




Veja também:


Comentar


Código de segurança
Atualizar