O Rio Branco

30 de Maio |

Processo seletivo

Por Redação ORB

20 de Março de 2017 às 10:16:36

Ditado

Já dizia o velho ditado, “A carne é fraca”! a operação da policia Federal nos grandes frigoríficos do Brasil só veio ampliar o tamanho do braço da corrupção pais a fora. Nem o fato da operação Lava Jato está trazendo a luz o maior escândalo de corrupção da história do País foi capaz de frear a ganância dos grupos dominantes do setor da carne.

Estragou de vez

Agora, o estrago realmente está feito. Se a carne era estragada ou não, só a investigação vai dizer, a verdade é que estragou de vez a relação entre os grandes frigoríficos e os compradores internacionais. O ministro da Agricultura, Blairo Maggi, já reconheceu a enorme dificuldade que terá o país em segurar a queda na exportação do produto.

Desde antigamente

Alguns executivos presos durante a operação “carne fraca”, desencadeada pela Policia Federal, reconheceram o “propinoduto” existente, mas, ressaltaram que não é de agora. Segundo depoimentos de alguns executivos, “o pagamento de propina é prática antiga no setor da carne, não é de agora”.

Empolgado

O ex-prefeito de Acrelândia, Tião Bocalom, está deveras empolgado com sua candidatura ao senado. Quem o acompanha diariamente tem visto e dito o quanto ele está certo de que será um dos candidatos pela oposição.

Mudou

Por onde passa Bocalom tem dito que a escolha dos candidatos passará pela pesquisas de opinião pública, segundo ele, os dois mais bem colocados na intenção de voto serão os candidatos. Só que já se percebe uma mudança do Democrata, ele não esconde de ninguém seu desejo de ir para o tudo ou nada.

Sem volta

Quem conhece bem o Bocalom sabe da dificuldade em demovê-lo de uma idéia. Empolgado, por, segundo o próprio Bocalom e seu fiel escudeiro Valtinho, a candidatura está pegando vento, daqui pra frente será difícil voltar atrás.

Manobra

Vereador Roberto Duarte Junior (PMDB) afirma que o presidente da Câmara de Rio Branco, vereador-pastor Manoel Marcus (PRB) está tentando esvaziar a CPI dos Transportes Públicos.  Ainda segundo o vereador peemedebista, Manoel Marcos rasgou o Regimento Interna da Casa.

Prevaricação

Roberto Duarte também acusa a RBtrans e ao Detran-Acre de prevaricação, uma vez que permite que dezenas de ônibus operem em Rio branco sem o devido licenciamento. O vereador provou que os ônibus não pagam IPVA, seguro obrigatório, nem a taxa de licenciamento.

Sem defesa

A direção do Detran admitiu que os ônibus em questão encontram-se, de fato, operando sem o devido licenciamento. A RBtrans preferiu não se manifestar em relação às graves denúncias apresentadas pelo vereador oposicionista.  “Ou fiscaliza todos ou liberar geral”, afirmou o vereador.

Explicou

O prefeito Marcus Alexandre, durante entrevista ao programa Bom Dia Rio Branco, na Tv Rio Branco, canal, 08, chegou a admitir atraso no pagamento do IPVA de alguns ônibus. Explicou o caso afirmando que as empresas adquirem os veículos através de leasing e ao final de cada financiamento os empresários se comprometem a quitar a documentação.

Dificuldade

Segundo o prefeito não existe ma fé, existe sim uma grande dificuldade do setor em manter os acordos em dia. Inclusive citou o pagamento atrasado de funcionários de algumas das empresas que operam na capital. Para o prefeito, isso só mostra que não existe facilidades no setor, tudo é muito difícil, disse!

Conquista

Marcus Alexandre disse que a oposição está no papel dela de denunciar, faz parte segundo o prefeito. Mas, ressaltou que se faz necessário entender o memento de crise que o país atravessa, os empresários do transporte coletivo trabalham em meio a grandes dificuldades. Fechou lembrando de uma grande conquista do estudante acreano que paga apenas 1 real na passagem.

Casa Natal

A casa Natal, está de parabéns pelo transcurso de 67 anos de fundação da loja mais antiga do Acre. Após a morte do fundado do grupo, o empresário Alberto Felício, quem assumiu o comando foi a filha Síglia Abrahão. Ela geriu a empresa até 2010, quando entregou o controle ao irmão, o doutor Alberto Junior.

Família unida

O que era apenas uma empresa virou um grupo empresarial com atuação em vários setores, entre os quais gastronomia, indústria, imobiliária e agropecuária.  A família sempre esteve unida. Dona Maria Luiz, a viúva do doutor Alberto Felício Abrahão soube comandar os filhos Síglia, Geni, Grace e Alberto Junior, o Beto.

Moção

O deputado André Vale deverá apresentar, na próxima semana, no plenário da Assembleia legislativa, do Acre (Aleac), Moção de Louvor ao Grupo Casa natal pelos 67 anos de fundação. O parlamentar lembrou que a Casa Natal é mais antiga que o Estado do Acre.

Preocupados

Professores empossados recentemente na Secretaria Municipal de Educação (Seme) estão preocupados. A folha de pagamento de março fechou, eles estão trabalhando desde o início do mês, mas sequer assinaram o contrato. Portanto, vão ficar mais um mês sem salário.

Processo seletivo

Enquanto isso, a Seme lança edital de processo seletivo simplificado para contratação temporária de professores. As inscrições foram abertas sexta-feira e se encerram terça-feira, na Escola Municipal do Servidor, na avenida Getúlio Vargas, número 2061 -bairro Bosque.

 

 



Confira os Últimos Artigos


Compartilhar