Colunistas

Manobra adia criação da CPI da Energisa

Uma manobra da base governista impediu a criação da Comissão Parlamentar de Inquérito que vai investigar a Energisa, empresa que opera o sistema de distribuição de enregia elétrica no Acre.  A já conhecida como CPI da Energisa, proposta pelo deptuado Jenilson Lite (PC do B) conta com 12 assinaruras, mas por falta de quórum o requerimemto não pode ser lido na sessão de terça-feira.

O deputado Tchê (PDT) solicitou que seu nome fosse retirado da relação de deputados a favor da CPI, alegando ter assinado o pedido de instalação no corredor da Aleac. O deputado teve uma conversa com o líder do governo na Casa, deptuado Herlen Diniz (PP) e com o secretários de Assuntos Extraordinários, Ney Amorim. Por isso, mudou de ideia e retirou seu nome do listos que que querem a CPI.

Pra completar a manobra, na manhã desta quarta-feita, além da CPI da Energisa, foram lidos requerimentos de pedidos de criação de CPI do Detran, CPI do Pró-Saúde, CPIdo Hurb, CPI da Fábrica de Pisos  e CPI da Peixes da Amazônia. Na verdade, não vejo motivos para a base governista tentar barrar a CPI da Energisa, uma vez que a empresa nada tem a ver com o governo estadual. Se o problema for ICMS, a alíquota foi majorada de 17% para 25% no governo petista.

Liberação

Ministério da Agricultura anunciou nesta terça-feira (16), a liberação dos encargos de onze municípios acreanos que foram beneficiados pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2).

Retribuição

Os referidos  municípios conseguiram cumprir os encargos por eles assumidos quando da doação. Os encargos são referentes à máquinas pesadas, como retroescavadeiras, caminhões-caçamba e motoniveladoras.

Convocação

Edital de convocação dos aprovados nos últimos concursos públicos para provimentos de vagas de soldados da Polícia Militar e agentes da Polícia Civil do Acre, foi publicado nesta terça-feira, pelo governo estadual.

Formação

Curso de formação da PM será acompanhado de perto pela coordenação da Diretoria de Ensino da Polícia Militar, no Centro Integrado de Ensino e Pesquisa em Segurança Pública e Justiça Francisco Mangabeira (Ciesp).

Remuneração

Os aprovados devem comparecer no período de 13 a 24 de maio para realizar a matrícula no curso. A aula inaugural do curso de formação está prevista para o dia 31 de maio. Durante o Curso de Formação, os concursados receberamremuneração de 4,3 mil rais.

Suicídio

Ex-presidente do Peru , Alan García , 69 anos,morreu cerca de três horas depois de ter atirado contra a própria cabeça durante uma ordem de prisão preventiva. García levado ao Hospital de Emergência Casimiro Ulloa, mas não resistiu aos ferimentos.

Quatro envolvidos

Alan García era um dos dos quatro ex-chefes de Estado do Peru investigados sob a acusação de terem recebido suborno da construtora brasileira Odebrecht. A Justiça havia ditado sua prisão preventiva por dez dias.

Ordem não cumprida

Secretário pessoal de García, Ricardo Pinedo, confirmou que o ex-presidente entrou em seu quarto depois de ser informado que um promotor batia à porta de sua casa levando a ordem de prisão. A ordem de prisão não foi cumprida.

Trajetória

Político habilidoso, Alan Garcia liderou por décadas um partido tradicional do Peru,  a Aliança Popular Revolucionária Americana(Para) e governou o peru de 1986 a 1990. Voltou a ser presidente em 2006 e ano passado pediu asilo pliitco no Uruguai, mas não foi atendido.

Palestra

Em delação premiada, o advogado brasileiro José Américo Spinola,  afirmou no Brasil ter pago US$ 100 mil a García a pedido da Odebrecht . García confirmou ter recebido o dinheiro mas explicou ter sido referente a uma palestra, na Fiesp, em São Paulo.

Consternado

Alguns minutos depois da morte de Garcia, o presidente do Peru, Martín Vizcarra, se disse “consternado”, em mensagem em uma rede social: “Envio minhas condolências a sua família e seus entes queridos”.

# Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), por meio da Promotoria de Justiça Especializada de Defesa do Meio Ambiente da Bacia Hidrográfica do Juruá, conseguiu a suspensão das atividades do frigorífico São Sebastião, em Rodrigues Alves. O empreendimento pertence ao prefeito da cidade,  Sebastião Correia (MDB). Um procedimento instaurado pelo promotor Iverson Rodrigo Monteiro Bueno apurou que o matadouro estava causando dano ambiental.

A investigação iniciou depois que o MPAC recebeu reiteradas denúncias envolvendo a disposição de efluentes industriais oriundos da linha vermelha (despejo de sangue in natura nas águas do recurso hídrico existente nas proximidades do Matadouro São Sebastião), sem qualquer tratamento prévio.  

PANORÂMICAS

# Governador Gladson Bestene (PP) encontra-se em Brasília (DF).

# Ele está acompanhado de alguns secretários, entre os quais o de Saúde, doutor Alysson Bestene.

# O objetivo é liderar recursos financeiros para investimentos em áreas essenciais no Acre.

# Deputado Luiz Tchê (PD) tentou desafia a lei da física, na manhã desta quarta-feira.

# Ele estava na Aleac, mas não compareceu em plenário. Por isso, estava na Casa do Povo, mas ao mesmo tempo, não estava.

# Tchê assinou o pedido de CPI da Energisa, mas depois de uma conversa com os governistas, decidiu mudar de ideia.

# Deve ter feito autocritica e chegou a conclusão que errou. Por isso, preferiu não se apresentar.

# Já os deputados governistas Cadmiel Bonfim (PSDB) e Neném Almeida (SD) não assinara as depois declararam apoio à CPI.

# Lideranças comunitárias compareceram a Aleac e pressionaram os deputados pela instalação da CPI da Energisa.

# Segundo eles, a Energisa é pior do que a Eletrobras - Distribuição Acre.

# Bom dia ao secretário municipal de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Econômico (Safra), professor Elyson Ferreira.

Artigos Publicados