Colunistas

TSE manda empossar vereador Anderson Sandro no lugar de Laércio da Farmácia

Antonio Muniz

A presidente da Câmara de Rio Branco em exercício,  vereadora Lene Petecão (PSD), empossou, na manhã desta seta-feira, o empresário Anderson Sandro (PDT) como vereador de Rio Branco no lugar de Laércio da Farmácia. O PDT conta aora com dois vereadores: Elzinha Mendonça e Anderson Sandro.

O vereador Laércio da Farmácia foi removido do cargo devido a um entendimento do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), após o PDT impetrar uma ação judicial por entender que a vaga era do partido, e não de Laércio. No final de Janeiro de 2020, o TSE acatou o pedido do partido.

O caso se deu início após a renúncia do ex-vereador e hoje deputado federal Manuel Marcos (PRB), que renunciou ao posto em janeiro de 2019 para assumir o mandato de deputado federal.

À época da renúncia de Manuel Marcos quem assumiu foi Sandra Asfury, que tinha ficado como primeira suplente, também do PDT, mas que logo depois das eleições de 2016, se desfiliou do partido. Após três meses no cargo, Sandra renunciou ao mandato, alegando “motivos pessoas”.

De forma extremamente equivocada, a Câmara de Rio Branco empossou Laércio que era segundo suplente da coligação PRB-PDT, e não Anderson (PDT), que agora, com o entendimento judicial do TSE, é o legítimo dono da vaga.

Nome forte

Doca Madureira, o jogador de futebol acreano que ficou famoso no exterior vai se filiar ao PP e será candidato a deputado estadual em 2022. Natural de Sena Madureira, onde tem fazenda, Doca deve apoiar alguns candidatos a vereador este ano.

Prefeito

Outro artilheiro que pretende ingressar no cenário político é Araújo Jordão. Ele se articular para ser candidato à Prefeitura de Jordão por não suportar desmandos administrativos. Araújo quer fazer algo em prol de sua cidade.

Convite

A exemplo do colega Tião Silva, apresentador do programa Bom Dia Rio Branco, na TV Rio Branco-SBT, eu também recebi convite para ser candidato a vereador. Agradeci o convite e pedi um tempo para pensar.

Mesmo ritmo

Eleita como destaque da bancada federal do Acre, a deputada Mara Rocha (PSDB) começa 2020 no mesmo ritmo e 2019. Ele consegue atuar de forma simultânea no campo e na cidade, na capital e no interior.

Pedido de demissão

Secretário Municipal de Gestão Administrativa e Tecnologia da Informação, advogado Eduardo Ribeiro preparou sua carta de demissão. Ribeiro aguarda a prefeita voltar de São Paulo, neste sábado para entregar em mãos.

Apenas um ano

Eduardo Ribeiro, que já foi assessor jurídico do Sebrae-Acre e superintendente do Incra, no Acre, foi empossado como secretário municipal em janeiro de 2019. Filho do e-deputado e conselheiro do TCE, Valmir Ribeiro, talvez Eduardo seja pré-candidato a vereador.

Tapa de luvas

Fernando Henrique, Lula da Silva e Dilma Rousseff são se esquerda, mas passaram o tempo todo satisfazendo as vaidades pessoais dos agiotas internacionais com a taxa Selic tendo chegado a quase 20%. O Presidente Jair Bolsonaro, que é de direita, derrubou os juros para apenas 4,25%.

Enquadramento

Presidente Jair Bolsonaro calou a boca de todos ao anunciar três reajustes negativos do preço dos combustíveis.  Depois sugeriu que os governadores  diminuíssem ou acabassem com o  ICMS sobre os combustíveis.

Desafio

Diante da insatisfação, Bolsonaro lançou desafio aos governadores: “Acabem com o ICMS que eu acabo com os encargos e impostos sobre os referidos produtos”. O governadores amarelaram e  afirmaram que não podem perder tantas receitas.

# Na manhã de quinta-fera, a senadora Mailza Gomes (PP)  pediu ao vice-presidente da República e coordenador do recém-criado Conselho da Amazônia, general Amilton Mourão ações mais eficientes no sentido de combater a criminalidade no Acre e devolver a paz às famílias.

Audiência solicitada pela senadora Mailza teve a participação da ministra Damares, o governador do Acre, Gladson Cameli, e também membros da bancada federal.

Seguindo a senadora, foram apresentados ao vice-presidente, general Mourão a realidade vivida pela população acreana no que diz respeito ao crescimento dos índices de violência no estado do Acre. “O nosso estado faz fronteira com dois países que são considerados, de acordo com Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crimes, os maiores produtores de drogas. Esse fato transformou o Acre em alvo de disputa de facções pelo controle do corredor de entrada, visto que nossas fronteiras ainda estão desprotegidas. E é por isso que pedimos que o governo federal proteja nossas fronteiras. Pois estará protegendo não só o Acre, mas o Brasil inteiro das drogas e também da violência”, destacou a senadora na audiência. A parlamentar aproveitou a oportunidade e convidou o vice-presidente da República para visitar o Acre.

PANORÂMICAS

# Vereador João Marcos Luz (MDB)  questiona a riqueza obtida pelo e-senador Jorge Viana, em 20 anos de mandato.

# Jorge Viana foi prefeito de Rio Branco, de aneiro de 1993 a dezembro de 1996.

# Depois ficou dois anos sem mandato e em 1998 foi eleito governador, tomando posse em 1999. Ficou oito anos como governador e mais oito como senador.

# Depois, tentou ser reeleito, mas foi derrotado pela coligação comandada pelo senador Gladson Cameli, que foi eleito e ajudou a eleger Marcio Bittar e a reeleger Sérgio Petecão.

# Segundo João Marcos Luz, a política da florestania de Jorge Viana levou o Acre ao estado de miséria e diz que os governos do PT fizeram o Acre regredir.

# O vereador também criticou o atual deputado estadual Edvaldo Magalhães (PCdoB), pelo seu período como Secretário de Indústria e Comércio do governo Tião Viana (PT).

# Talvez sem ter argumentos para defender Jorge Viana, o vereador Rodrigo Forneck (PT) afirmou que o senador Marcio Bittar (MDB) é milionário.

# Pelo que diz o deputado Edvaldo Magalhães, o PC do B a possibilidade de o partido continuar na aliança com o PT é bem menor do que muitos imaginam.

# Ao que tudo indica, os camaradas vão apoiar a reeleição da prefeita Socorro Neri, por uma questão de sobrevivência.

# Um bom dia às autoridades que deverão se reunir neste domingo, às 10h, no Palácio Branco para debater plano de prevenção e combate à violência no Acre.

Artigos Publicados