O Rio Branco

Hoje é 14 de Novembro de 2018

Como estimular o cérebro para ser mais feliz

Por Neucimar Taveira

11 de Setembro de 2018 às 11:03:18

O segredo da felicidade ninguém descobriu ainda, mas a ciência mostra que existe uma maneira de estimular nosso cérebro a sentir mais alegria e prazer no dia a dia. Afinal, para nos sentirmos alegres precisamos produzir neurotransmissores como a serotonina, a endorfina, a dopamina e a oxitocina, que ativam nossos bons estados de ânimo.

A questão é que eles não ficam em atividade o tempo todo, apenas quando a mente detecta uma situação favorável --por isso o prazer e a excitação são passageiros. Mas dá para estimular a produção de todos eles com algumas atitudes simples, aponta a Boa Forma --descubra, a seguir, como fazer isso.

Endorfina

Além de aumentar a tolerância à dor, a endorfina traz sensação de prazer durante ou logo após uma situação de estresse físico. É por isso que saímos com uma sensação boa da academia. Para estimular a produção de endorfina, o segredo é fazer exercícios físicos e dar risada --um estudo mostra como aumentam os níveis de endorfina no cérebro depois de vermos 30 minutos de vídeos engraçados.

Dopamina

É a responsável por dar aquele ânimo extra para fazer um esforço --seja cruzar a linha de chegada de uma corrida ou dar o seu melhor para conseguir uma promoção. Duas atividades que elevam os níveis de dopamina no cérebro são meditar e aprender algo novo, como um idioma ou a tocar um instrumento, pois o esforço e as descobertas ativam o mecanismo de recompensa do cérebro.

Oxitocina

Ficou conhecida como hormônio do amor, pois nos traz uma sensação de confiança e segurança quando estamos com pessoas queridas. Abraçar e olhar alguém que amamos estimula a produção de oxitocina, assim como fazer e receber uma massagem ou cafuné e cuidar de um animal de estimação. Dar (ou receber) um presente também ajuda bastante.

Serotonina

É o hormônio do bem-estar, e sua falta está associada à depressão. Para manter bons níveis de serotonina, faça exercícios, relembre conquistas e momentos agradáveis, tome sol e coma chocolate amargo, pois os flavonoides e o triptofano presentes no cacau elevam a produção desse neurotransmissor.

 

 

Vivaalongevidade



Confira os Últimos Artigos


Compartilhar