Colunistas

Governo diz que sucesso da Expoacre-2019 superou expectativas

Governador Gladson Cameli (PP) anunciou, em entrevista coletiva, no fim manhã desta segunda-feira,  no salão nobre do Palácio Rio Branco,  o global do volume de negócios movimentados da Expoacre-2019. Segundo Cameli a movimentação foi superior a R$ 74,3 milhões. A meta do governo eparceiros envolvidos no evento era de R$ 50 milhões.

Segundo a secretária de Empreendedorismo e Turismo, Eliane Sinhasique, coordenador do evento, o governo não computou cerca de R$ 20 milhões de negócios que foram prospectados, porém ainda não concretizados. Mais de 225 mil pessoas passaram pelo Parque de Exposições nas nove noites de evento, o que representa média de 25 mil pessoas por noite.

A secretaria de Planejamento, órgão responsável pelo levantamento e divulgação dos dados, o setor bancário foi quem mais fechou investimentos, a maioria na área do agronegócio (Plano Safra-2019-2020) um total de R$ 40,4 milhões. O Banco da Amazônia,por exemplo, movimentou R$ 19,3 milhões.

A indústria, mais uma vez mostrou sua força e aparece em segundo lugar  em termos de  movimentação de recursos dentro da Exposição. Foram mais de R$ 13, 8 milhões. A pecuária ficou em terceiro lugar. Somente nos Leilões foram faturados mais de  R$ 8,7 milhões. Além disso, tive movimento de  R$ 4,5 de produtos agropecuários, ultrapassando os R$ 12 milhões.

O foco do governo agora é a Expor Juruá-2019, que será realizado no fim de setembro, coincidindo com a data de aniversário de Cruzeiro do Sul. O governo aproveita para inaugurar duas grandes obras – a UPA de Cruzeiro do Sul e a Central de Atendimento ao Cidadão nos mesmo moldes da OCA de Rio Branco.

Tempo de paz

Representantes os empresários acreanos estavam presentes na entrevista coletivo na qual o governador Gladson Cameli apresentou prestação e contas da Expoacre-2019.Tal fato prova que o Acre vive tempos de paz do ponto de  institucional.

Relembrando

Todos lembram que no início do ano o clima não estava bem entre governo e dirigentes da Fieac, Fecomercio e Sebarae-Acre. Mas o tempo passou e tudo mudou. O governo pretende trabalhar em parceria com todos os setores da nossa economia.

União pela Acre

Atendendo convite do governador estiveram presente na coletiva desta segunda-feira, o presidente da Fecomércio, Leandro Domingos; presidente da Fieac, Adriano Silva; presidente do Conselho Deliberativo do Sebarae-Acre, Marcos Lameira e outras lideranças empresariais.

Momento empresarial

Como o evento era empresarial e não político, apenas o líder do governo,deputado Luiz Tche (PDT) esteve presente. O deputado vê importância nesse relação mais estreita  entre governo e empresários.

Reconhecimento

Gladson Cameli reconheceu o trabalho dedicado dos secretários e servidores dos órgãos envolvidos, diretamente, na realização da Expoacre-2019, em especial  Eliane Sinhasique, secretária de Empreendedorismo e Turismo.

Porta do mundo

Empolgado com o sucesso da Expoacre-2019 e a possibilidade de novos investidores chegarem ao Estado, o governador afirmou, nesta segunda-feia, que o Acre será a porta do mundo dos negócios.

Pacífico, a saída

Cameli lembra que a ligação do Brasil, por meio do Acre, com os chamados países andinos ( Bolívia, Peru, Equador, Colômbia, Chile e Venezuela). Claro que em crise, a Venezuela nada tem a nosso oferecer, mas os outros podem serparceiros mais fortes.

Camionetes

Governador afirmou que o dinheiro que seria usado para compra de 93 camionetes, ele comprou 110. Tudo por ter feito a compra diretamente na Mitsubishi. O governo economizou mais de R$ 3,5 milhões.

Questionamento

Nas redes sociais questionaram o governador o fato de ele ter comprado ascamionetes diretamente na fábrica da Mitsubishi do Brasil e não na Agro Norte, que é a concessionária da marca no Acre. O governo respondeu que foi para fazer economia.  Comprar mais, pagando menos.

Esporro

A grande atração do programa “Fale com o Governador” na manhã desta segunda-feira, na Rádio Aldeia-FM, foi o “esporro” que Gladson Cameli deu nos diretores do Deracre, sobretudo no diretor-geral, Ítalo Medeiros e o responsável pelo órgão em Feijó.

 Bom exemplo

Em alusão aos 13 anos de implantação da Lei Maria da Penha no Brasil, uma comissão formada por cadastros de reserva de agentes e escrivães da Polícia Civil, se organizou na arrecadação de alimentos. A Casa Lar Ester , que acolhe vítimas de violência doméstica em Rio Branco, foi a entidade beneficiada com a ação social.

# O esperado aconteceu: o novo diretor-presidente da Empresa deAssistência Técnica e Extensão Rural do Acre (Emater-AC), Tião Bocalom, ao assumir o cargo, convidou amigo Waltim José para assumir a chefia de de gabinete. Amigo de longa data, desde o PSDB, depois DEM e, por último, o PSL, claro que Bocalom jamais iria esquecer do fiel escudeiro.

PANORÃMICAS

# Se os buracos na pista de pouso de Feijó não forem tapados, cabelas vão rolar no Deracre.

# O ultimato foi dado nesta segunda-feira, pelo governador Gladson Cameli (PP).

# O governador afirmou que não vai mais discutir esse assunto e nem passar a mão na cabeça de ninguém.

# Outra vez o diretor-geral o Deracre, engenheiro civil Ítalo Medeiros foi cobrado no ar, durante o programa “Fale com o Governador”.

# Ao que parece, o grupo que tentar emplacar Ítalo, na Seinfra, no lugar de Thiago Caetano, é melhor orar para que ele continue no governo.

# Antes da coletiva à imprensa, o governador Gladson Cameli tomou café da manhã, nesta segunda-feira, com os taxistas.

# A categoria jamais tomou café com um governador, sobretudo no palácio Rio Branco.

# Entre as demandas que os taxista apresentaram ao governador está a implantação de  um posto de abastecimento dos profissionais do volante.

# Eles querem apoio do governo no para concretizar a proposta.

# Tendo um posto, a categoria poderia comprar bicombustível e derivados de petróleo a preço de distribuidora.

# Um bom dia aos agentes e escrivães e Polícia Civil, aprovados em concurso público, mas ainda estão no chamado cadastro reserva.

Artigos Publicados

Em nota, governo tenta tapar sol com peneira

A prefeita e o candidato do governador

Senador é criticado por algo que deveria ser elogiado